Agendamentos/contato - (51) 3024.4665 | (51) 99644.0228 | Porto Alegre contato@marcelaferrao.com.br

Menu

Estudo demonstra que a fibra da ervilha pode auxiliar na perda de peso

Postado por em fibras no dia novembro 22, 2014


Os norte-americanos ingerem menos da metade da quantidade de fibras recomendada. Pesquisa publicada em maio deste ano pela Faculdade de Cinesiologia de Calgary, Canadá, pretende determinar se o aumento do consumo de fibras derivadas de ervilhas amarelas aprimora perda de peso e, especificamente, a redução de gordura corporal além de verificar o efeito da fibra de ervilha na tolerância à glicose, apetite, lipídeos séricos e marcadores inflamatórios.

O estudo duplo cego controlado por placebo analisou por 12 semanas, dois grupos que apresentavam IMC entre 25 e 38. Um dos grupos consumiu 15g de fibra de ervilha amarela como suplemento. O segundo grupo recebeu um placebo isocalórico. O resultado primário mostrou que houve alteração na gordura corporal a partir da linha de base até 12 semanas. Os desfechos secundários incluem tolerância à glicose, regulação do apetite, lipídeos séricos e marcadores inflamatórios. Os dados antropométricos (peso, altura, IMC e circunferência da cintura) e de consumo alimentar foram medidos no início do estudo e depois a cada 4 semanas.

Segundo a endocrinologista Marcela Ferrão, as fibras alimentares, como a farinha de ervilha amarela, têm ocupado uma posição de destaque devido aos resultados divulgados em estudos científicos recentes que demonstram a ação benéfica desses nutrientes no organismo e, a relação entre o seu consumo e as quantidades adequadas e a prevenção de doenças. “A farinha de ervilha amarela possui baixo índice glicêmico, o que é bom para os diabéticos. Também é importante destacar a importância de seguir as recomendações nutricionais quanto à quantidade diária do consumo de fibras”, explica a médica Marcela Ferrão.

As fibras são importantes na alimentação porque aceleram a passagem dos produtos residuais do organismo, absorvem substâncias perigosas (toxinas) e mantém o tubo digestivo saudável. Outro benefício importante da fibra em relação ao trato gastrintestinal, é que ela serve de substrato para formação de ácidos graxos de cadeia curta (AGCC), que fornecem energia para as células intestinais desempenharem bem suas funções.

Fibra de ervilha como fonte de fibras

Globalmente o desenvolvimento de alimentos funcionais e ingredientes alimentares funcionais são extremamente necessários para conter o aumento da doença metabólica. A partir deste estudo será avaliado o potencial da fibra de ervilha amarela para melhorar o controle de peso através de mudanças mediadas pelo intestino na saúde metabólica em adultos com sobrepeso e obesidade.

De acordo com Dra. Marcela Ferrão, embora a mostra do estudo seja pequena, o delineamento foi adequado, assim como a recomendação para que a população em geral não extrapole o consumo de fibras, o que exige uma avaliação da composição corporal padrão ouro.

 

Fonte:  Evaluation of yellow pea fibre supplementation on weight loss and the gut microbiota: a randomized controlled trial.

Lambert JEParnell JAHan JSturzenegger TPaul HAVogel HJReimer RA1.2014 Apr 8;Publmed

 


Related Posts

Porto Alegre

Rua Soledade, 569 - Torre A - Sala 1005
Mãe de Deus Center - Porto Alegre/RS
contato@marcelaferrao.com.br
Agendamentos/contato - (51) 3024.4665 | (51) 99644.0228

Pré-agende a sua consulta, determinando dia e horário de sua preferência. Deixe seu telefone que entraremos em contato para confirmar o seu agendamento. Estacionamento rotativo no prédio.