Agendamentos/contato - (51) 3024.4665 | (51) 99644.0228 | Porto Alegre contato@marcelaferrao.com.br

Menu

Estudo mostra a relação entre a suplementação de cálcio e a degeneração macular

Postado por em cálcio no dia abril 14, 2015


Indivíduos que tomam mais de 800 mg de cálcio por dia têm quase duas vezes mais probabilidade de serem diagnosticados com degeneração macular (perda de visão no centro do campo visual) relacionada à idade do que aqueles que não consumiram, de acordo com os resultados de um novo estudo publicado, em abril, pelo Departamento de Oftalmologia da Universidade da Califórnia, em San Francisco.

Foram avaliados 3.191 participantes no período de 2007/2008 na faixa etária dos 40 anos e mais velhos, incluindo 248 pacientes com a degeneração macular. Cada participante foi em relação ao consumo de suplementos dietéticos e antiácidos durante o período de 30 dias.

Os pesquisadores descobriram que a chance de um diagnóstico de mácula foi elevado entre os participantes que relataram tomar 800 mg de cálcio ou mais por dia. Neste grupo foi analisado aspectos, como idade, sexo, etnia, renda familiar, status, ingestão de álcool, obesidade, osteoporose história, cirurgia de catarata fumar, glaucoma, hipertensão, acidente vascular cerebral, doenças do coração e hiperlipidemia.

A associação foi mais forte em pessoas mais velhas, com idade superior a 68 anos. Não houve associação entre o diagnóstico de degeneração macular e ingestão de cálcio nos participantes com idade inferior a 68 anos. A idade média dos participantes que apresentaram a doença, neste estudo foi de 67,2 anos, em comparação aos indivíduos com 55,8 anos, sem diagnóstico para a doença.

Limitações do estudo

Os autores relataram várias limitações para o estudo, incluindo a possibilidade do relato impreciso da ingestão de cálcio pelos participantes do estudo, bem como a ausência de uma forte correlação entre os suplementos e os níveis séricos de cálcio. Além disso, o estudo se baseou apenas em relatos de suplemento de cálcio e a ingestão de antiácido e não conta para o cálcio da dieta.

Para a endocrinologista Dra. Marcela Ferrão, o cálcio é importante para manter a saúde dos ossos, e é encontrado no leite e derivados. Não se deve retirá-los na dieta, pois eles também podem ser ricos em nutrientes importantes. O ideal é consumi-los com cuidado. Em relação ao estudo em análise, é necessário que sejam realizados outros estudos clínicos. Os pacientes devem, no entanto, evitar fumar e ter uma dieta rica em vegetais verde-escuros e peixes, acrescenta.

Fonte: Self-reported Calcium Supplementation and Age-Related Macular Degeneration.

Caitlin L. M. Kakigi, BA1; Kuldev Singh, MD, MPH2; Sophia Y. Wang, MD3; Wayne T. Enanoria, PhD, MPH4; Shan C. Lin, MD1

JAMA Ophthalmol. Published online April 09, 2015.

Link: http://www.medscape.com/viewarticle/842931


Porto Alegre

Rua Soledade, 569 - Torre A - Sala 1005
Mãe de Deus Center - Porto Alegre/RS
contato@marcelaferrao.com.br
Agendamentos/contato - (51) 3024.4665 | (51) 99644.0228

Pré-agende a sua consulta, determinando dia e horário de sua preferência. Deixe seu telefone que entraremos em contato para confirmar o seu agendamento. Estacionamento rotativo no prédio.