Agendamentos/contato - (51) 3024.4665 | (51) 99644.0228 | Porto Alegre contato@marcelaferrao.com.br

Menu

Estudo mostra que exercícios reduzem os impulsos para o consumo de doces

Postado por em atividade física no dia março 18, 2015


A pesquisa mostra que o exercício agudo reduz os impulsos para o consumo de doces em pessoas com peso normal. O estudo analisou os efeitos de uma sessão intensa de exercício sobre os efeitos do consumo de lanches açucarados, que afetam as “respostas psicológicas e fisiológicas” em indivíduos com sobrepeso. Após três dias de abstinência de chocolate, 47 pessoas com excesso de peso (IMC entre 25 e 30), foram divididas em dois grupos, de forma aleatória. Um grupo fez caminhadas de 15 minutos e o outro foi o grupo de controle passivo (não realizou atividade física).

Os dados obtidos mostram que o exercício reduz os impulsos das pessoas com sobrepeso para lanches açucarados e atenuam o estresse pelo seu consumo. A obesidade tem sido associada ao maior índice de fadiga, e como consequência, ocorre menor realização de atividade física. Quando houve a substituição do comportamento sedentário por um comportamento ativo houve a ativação da valência afetiva e a redução do estresse psicológico.

Os pesquisadores Weingarten & Elston apontam que, em média, 97% das mulheres e 68% dos homens sofrem fissuras alimentares. Situações específicas parecem estimular o consumo de guloseimas de alto valor calórico. A abstinência é associada a aspectos, como: ansiedade, estresse e mal humor. Eles constataram que a prática de exercícios físicos, a curto-prazo, leva à redução imediata da tensão emocional e a diminuição do cansaço.

Várias publicações têm centrado seus estudos sobre os efeitos agudos do exercício sobre a fome, apetite e ingestão de energia, mas apenas seis estudos focaram os efeitos de uma única sessão de exercício referente ao alto consumo de lanches (salgadinhos e doces). Dentre os principais resultados está à diminuição pelo desejo de comer chocolate e a melhoria da resposta fisiológicas e psicológica aos estressores.

Outro estudo realizado pelos cientistas Taylor & Oliver mostrou que a realização de exercício de intensidade moderada (15 minutos) reduz a ânsia do chocolate em situação de estresse manipulado. Esta investigação envolveu participantes de peso normal que consumiam regularmente chocolate.

Para a Dra. Marcela Ferrão, endocrinologista especialista em emagrecimento, as constatações levam para a prática diária de exercícios físicos para a redução de peso, mas é imprescindível a realização de mais estudos envolvendo pessoas que estão acima do peso. “Há uma necessidade de se descobrir de que forma as mudanças fisiológicas atuam nas respostas para o exercício”, conclui a médica.

Fonte:

Acute Effects of Brisk Walking on Sugary Snack Cravings in Overweight People, Affect and Responses to a Manipulated Stress Situation and to a Sugary Snack Cue: A Crossover Study Larissa Ledochowski1 *,Gerhard Ruedl1 , Adrian H. Taylor2 , Martin Kopp1 1 Department of Sport Science, University of Innsbruck, Fürstenweg 185, 6020, Innsbruck, Austria, 2 Plymouth University Peninsula Schools of Medicine & Dentistry, Room N32, ITTC Building, Tamar Science Park, Derriford, Plymouth, Devon, PL6 8BX, United Kingdom. PLOS One; March 2015


Related Posts

Porto Alegre

Rua Soledade, 569 - Torre A - Sala 1005
Mãe de Deus Center - Porto Alegre/RS
contato@marcelaferrao.com.br
Agendamentos/contato - (51) 3024.4665 | (51) 99644.0228

Pré-agende a sua consulta, determinando dia e horário de sua preferência. Deixe seu telefone que entraremos em contato para confirmar o seu agendamento. Estacionamento rotativo no prédio.