Agendamentos/contato - (51) 3024.4665 | (51) 99644.0228 | Porto Alegre contato@marcelaferrao.com.br

Menu

Estudo mostra que obesidade infantil continua crescendo nos Estados Unidos

Postado por em obesidade infantil no dia junho 01, 2016


Estudo publicado, recentemente, na Revista Obesity, desenvolvido por um grupo de pesquisadores da Universidade de Duke (EUA) desmente uma possível queda na obesidade infantil no país e afirma que os jovens americanos obesos passaram de pouco mais de 14% para quase 18% no intervalo entre 1999 e 2014. Examinando os dados nacionais de 1999 a 2014, os pesquisadores descobriram que um terço das crianças americanas com idades entre 2 a 19 estavam acima do peso, quase um quarto eram obesos, e mais de 2% estavam severamente obesos.

No período de 2013-2014, 23,7% eram obesos (com percentil acima de 95) e 2,4% estavam severamente obesos (mais de 140% do percentil de 95).  Os pesquisadores descobriram que este foi de 2,1 % em 2011 e 2012. Outra descoberta foi que crianças negras e hispânicas têm a maior prevalência de obesidade grave.

Apesar de outros relatórios recentes, todas as categorias de obesidade aumentaram de 1999 a 2014 e não há nenhuma evidência de um declínio nos últimos anos. O tratamento para os 4,5 milhões de crianças obesas graves é urgente, observando o risco acrescido de doença cardíaca, diabetes tipo 2 e câncer em comparação com as crianças que apresentam formas mais leves de obesidade.

Fonte: http://bit.ly/1UuTtZI

Link: Skinner AC, Perrin EM, Skelton JA. Prevalence of obesity and severe obesity in US children, 1999-2014. Obesity. 2016;24


Porto Alegre

Rua Soledade, 569 - Torre A - Sala 1005
Mãe de Deus Center - Porto Alegre/RS
contato@marcelaferrao.com.br
Agendamentos/contato - (51) 3024.4665 | (51) 99644.0228

Pré-agende a sua consulta, determinando dia e horário de sua preferência. Deixe seu telefone que entraremos em contato para confirmar o seu agendamento. Estacionamento rotativo no prédio.