Agendamentos/contato - (51) 3024.4665 | (51) 99644.0228 | Porto Alegre contato@marcelaferrao.com.br

Menu

Pessoas em pós-operatório de cirurgia bariátrica podem consumir frutose com menor risco de hipoglicemia?

Postado por em Cirurgia Bariátrica no dia junho 16, 2015


A hipoglicemia (queda dos níveis de açúcar no sangue) pós-prandial, que ocorre depois das refeições, após a cirurgia da técnica by-pass gástrico (cirurgia de redução de estômago mais realizada em todo o mundo) é um problema sério, sendo que os tratamentos disponíveis são frequentemente ineficazes. Um estudo desenvolvido pelo Departamento de Medicina da Universidade de Minnesota testou a hipótese de que a injeção de insulina de ação rápida antes de uma refeição rica em carboidratos ou substituição de outros carboidratos com frutose na refeição evitaria a ocorrência de hipoglicemia nos pacientes bariátricos.

Os pesquisadores também descobriram que a hipoglicemia não foi impedida pelo tratamento com insulina de ação rápida antes de uma refeição ricaem carboidratos. Foram avaliados 10 pacientes (nove mulheres, idade, 48 anos, peso médio, 78,4 kg, com média de IMC, 28,2 kg, by-pass gástrico) que apresentaram sintomas de hipoglicemia depois de dois anos da cirurgia.

O estudo randomizado comparou um grupo com uma refeição rica em hidratos de carbono (constituídos por açúcar, como pães, massas e arroz) com a injeção de insulina antes da refeição e outro grupo com uma refeição com alto teor de frutose, mas teor total de hidratos de carbono semelhante ao grupo da refeição controle (grupo controle = injeção de placebo antes de uma refeição rica em carboidratos). Não se observou diferença entre os níveis médios de glicose e insulina entre o grupo controle e o grupo que injetou insulina de ação rápida; exceto pelo nadir de hipoglicemia de 34 ± 10mg/dL (p<0,05). Já no grupo após a ingesta refeição rica em hidratos de carbono, porém adoçadas com frutose, apresentaram glicemia média de 117±20mg/dL e nadir de glicose 67±10mg/dL (p<0,001), ou seja, com diferença estatística significante em relação ao grupo controle (grupo controle = glicemia média 173±47mg/dL e nadir de glicemia 44±15mg/dL).

Os resultados mostraram que pessoas após realizarem cirurgia bariátrica podem ingerir refeições adoçadas com frutose, apresentando menor risco de hipoglicemia. Já o tratamento com insulina de ação rápida antes de uma refeição contendo carboidratos não previne a hipoglicemia. Dra. Marcela salienta que o estudo é muito pequeno para poder definir suas conclusões como verdades. “Para evitar a hipoglicemia, é fundamental que a refeição não contenha apenas carboidrato, independente da sua origem, mas que seja uma combinação entre carboidratos e proteínas. A instrução quanto a fracionar as refeições e comer mais frequentemente, segue válida para evitar os episódios de hipoglicemia”.

 

Fonte: Post-Gastric Bypass Hyperinsulinemic Hypoglycemia: Fructose is a Carbohydrate Which Can Be Safely Consumed.

Anne E. Bantle1Qi Wang2, and John P. Bantle1

Published Online: June 02, 2015


Related Posts

Porto Alegre

Rua Soledade, 569 - Torre A - Sala 1005
Mãe de Deus Center - Porto Alegre/RS
contato@marcelaferrao.com.br
Agendamentos/contato - (51) 3024.4665 | (51) 99644.0228

Pré-agende a sua consulta, determinando dia e horário de sua preferência. Deixe seu telefone que entraremos em contato para confirmar o seu agendamento. Estacionamento rotativo no prédio.