Agendamentos/contato - (51) 3024.4665 | (51) 99644.0228 | Porto Alegre contato@marcelaferrao.com.br

Menu

Será que todas as marcas de Whey protein que você consome são sérias?

Postado por em Emagrecimento, Sem categoria no dia agosto 25, 2014


Uma análise realizada pelo In metro baseada em denúncias investigou 15 marcas de Whey protein  – produto à base da proteína do soro do leite, de baixo peso molecular com alto valor biológico e grande capacidade de absorção. Além disso, os produtos comercializados possuem pequenas concentrações de gordura, mas alto teor de aminoácidos essenciais e proteína de elevado grau de pureza. No mercado existem diversos tipos diferentes de whey protein. Mas para esse teste foram analisadas 15 marcas. São elas: EAS, Body Action, Probiótica, Integral Médica, STN Steel Nutrition, Solaris, Voxx, Dynamic lab, Maxx Titanium, DNA, Universal, Met-Rx, Sportpharma, New Millen e Nature’s Best.

Segundo a endocrinologista Dra. Marcela Ferrão, que acompanhou a reportagem, ontem, no programa Fantástico, quando consumido com acompanhamento médico especialista no assunto, pode proporcionar muitos benefícios para quem busca emagrecimento e ganho de massa muscular. Por outro lado, o consumo por conta própria pode trazer sérios riscos à saúde. “O Whey é recomendado para praticantes de atividade física, principalmente modalidade de força como a musculação, auxiliando na síntese muscular durante o processo de recuperação destas células que se dá após o treino. No entanto, este benefício está ligado apenas se a ingesta do suplemento ocorrer associada ao treinamento muscular. Não adianta tomar Whey se você não malha. O único ganho será de peso (massa de gordura) e não de massa magra.

Benefícios

suplemento-alimentar-academia-exercicio

O Whey Protein é um nutriente completo de altíssima qualidade, com altas concentrações de todos os aminoácidos essenciais. Sendo conhecida como uma proteína anabólica, pois tem a capacidade de aumentar a síntese proteica. Por ser de rápida absorção, sua ação anticatabólica é interrompida cerca de 120 minutos após a sua ingestão. Um importante fator sobre proteínas diz respeito à eficiência do corpo no uso de uma fonte específica de proteína. Essa relação é chamada de valor biológico e representa uma escala relativa à referência de absorção natural de proteína, que é o ovo. Assim, há proteínas que podem superar os 100% de valor biológico, o que significa que sua absorção é maior quando comparada ao padrão-ovo. O valor biológico do Whey protein está entre 106% e 159%.
A obtenção da proteína do soro do leite dá-se por meio de um processo de troca iônica durante a transformação do leite em queijo. A produção de Whey protein é bastante dispendiosa, mas a evolução tecnológica da última década permitiu o surgimento de suplementos à base de Whey de nova geração. Por conta das diferentes técnicas de produção e processamento, os suplementos à base de whey variam muito de acordo com suas concentrações, misturas, processamento e valor biológico. Há, basicamente, três classificações para o produto: o concentrado, o isolado e o hidrolisado.
O whey protein concentrado pode fornecer de 29% a 89% de proteína, dependendo do tipo de produto. Quanto menor o nível de proteína concentrada, maiores são os níveis de gordura e lactose, podendo apresentar grandes quantidades de imunoglobulinas e lactoferrinas. É mais utilizado como aditivo alimentar, devido seu baixo custo e processo de fabricação. Não é indicado para intolerantes à lactose. É a forma mais barata de Whey, rica em aminoácidos essenciais e de cadeia ramificada, que permitem a liberação de componentes bioativos responsáveis pela aceleração do anabolismo e recuperação muscular.
A forma isolada é a forma de Whey mais pura, contendo cerca de 90% ou mais de proteína em sua composição. Além disso, a maioria dos suplementos de wheys isolados é isento de gordura e apresenta menos de 1% de lactose, sendo o mais indicado para os portadores de intolerância à substância. Apresenta todas as vitaminas e minerais do leite, além dos aminoácidos essenciais, não essenciais e condicionalmente essenciais. Sua digestão é considerada ótima.
Por fim, o Whey protein hidrolisado exige que os ingredientes sejam colocados em maior quantidade.

Exigências para consumo
Para ser considerado Whey protein, o produto deve apresentar, no mínimo, 10 gramas de proteína por porção. O primeiro teste avaliou justamente isso. E todas as marcas foram aprovadas. Uma coisa é ter o mínimo de proteína. Outra coisa é apresentar a quantidade de proteína escrita no rótulo. Nesse segundo teste, duas marcas foram reprovadas por terem quase 30% menos proteínas do que o anunciado: a Solaris e a Voxx.
O terceiro teste constatou que todos os whey protein concentrados têm carboidratos na composição. Mas das 15 marcas, 11 tinham quantidades bem diferentes do que estava no rótulo. No caso da Voxx, essa diferença era de 300%. Ou seja, quatro vezes mais do que o anunciado.
Por ser derivada do soro do leite, em tese, a proteína deveria ser de origem animal. O Whey da marca DNA também tinha proteínas do trigo e da soja. Foram encontradas, ainda, substâncias não declaradas nas fórmulas dos Whey protein.
Em cinco marcas havia cafeína: EAS, Probiótica, STN, Maxx Titanium e Sportpharma.
No teste para ver se os rótulos estavam corretos, 11 marcas foram reprovadas. Resultado final: 14 das 15 marcas foram reprovadas.
Cuidados na hora da compra
Na hora da compra, siga as instruções de quem entende do assunto. Consulte um especialista. E mantenha-se atento sobre notícias referentes ao tema. Para quem busca resultados associado à prática de atividade física, as formulações mais indicadas são as isoladas e as hidrolisadas.  Enfim, desconfie de produtos com preços muito inferiores aos das marcas mais conceituadas, pois uma matéria prima de qualidade tem um custo mais elevado. Confira o relatório final sobre a análise em suplementos protéicos Whey Protein, acessando http://goo.gl/EUkcRv

Tabela Whey Protein

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Related Posts

Porto Alegre

Rua Soledade, 569 - Torre A - Sala 1005
Mãe de Deus Center - Porto Alegre/RS
contato@marcelaferrao.com.br
Agendamentos/contato - (51) 3024.4665 | (51) 99644.0228

Pré-agende a sua consulta, determinando dia e horário de sua preferência. Deixe seu telefone que entraremos em contato para confirmar o seu agendamento. Estacionamento rotativo no prédio.